segunda-feira, 18 de março de 2013

Hülsmann - Explicando o verdadeiro significado do apriorismo

L.v.Mises
O ponto mais polêmico e controverso de toda a teoria econômica e filosófica desenvolvida por Ludwig von Mises é, sem dúvida, a sua afirmação de que existe uma teoria apriorística para a ação humana, isto é, que a ação humana pode ser explicada por um escopo de proposições desenvolvidas a priori, proposições que fornecem uma compreensão verdadeira sobre a realidade, e cuja veracidade pode ser confirmada independente de experimentos.

[...]


Quando Mises alegou que a ciência econômica era uma ciência apriorística, sua intenção não foi afirmar que não havia absolutamente nenhuma evidência empírica para as leis expressadas por esta ciência.  Mises de modo algum acreditava que a ciência econômica se baseava nas hipóteses fictícias criadas por uma comunidade de intelectuais acadêmicos e nem que o "apriorismo" significa a lealdade destes acadêmicos à sua fé comum.  Tampouco quis Mises dizer que a análise econômica dependia de algum arranjo arbitrário de hipóteses que não estava sujeito à verificação ou à falseabilidade, de modo que a ciência econômica seria "apriorística" no sentido de um mero trocadilho tautológico.

Immanuel Kant
Para Mises, a ciência econômica definitivamente é sobre fatos averiguáveis.  A questão, no entanto, é que tais fatos não podem ser conhecidos por meio da visão, da audição, do olfato ou do toque.  E proposições sobre estes fatos não podem, portanto, ser verificadas ou refutadas pela evidência dos sentidos.

2 comentários:

Célio Montagna disse...

Olá tudo bem?

Seu Blog foi cadastrado com sucesso em Falando Sobre Seu Blog!
Divulgação de Website ou Blog Gratuitamente!

http://falandosobreseublog.blogspot.com.br

Abraços

Getulio Malveira disse...

Obriado pela visita e pelo cadastro Célio.

abraço